segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Oh Minas Gerais... quem te conhece não esquece jamais!!!

Voltamos!!!!

Chegamos em BH no sábado de manhã... Respirei fundo aquele ar nostalgico e espirrei até o fim do dia, pq se tem algo que BH se parece com São Paulo é a poluição me senti muito feliz de estar naquela terra tão querida mais uma vez.

Meu amigo, Pe. Flavio já nos esperava.

Apresentei o namorado à ele, nos abraçamos com muita saudade, e fomos para o carro.

dentro do carro, a primeira constatação que meu brilhante namorado faz é: Olha, em Minas também tem trânsito!

Meu amigo responde: Uai, cê tá achando que cê tá onde? Aqui não é roça não!

E assim ficamos até domingo a tarde: Mineiros versus Paulistas, São Paulo versus Minas Gerais:

- A Catedral da Sé é maior que essa Catedral aqui

- Ah não é não

- A praça da Liberdade está muito mais bonita que as praças de São Paulo

- O trânsito de São Paulo deixa as pessoas como se morassem em um país em guerra...

O que não deixa de ser verdade, não é???

Eu sai de BH com 1kg de doce de leite, uma camiseta linda para o meu afilhado, mais doces e uns 3kg mais gorda - por conta do feijão tropeiro, feijoada, quiabo, carne, doces, frango e tudo o que fosse típico... Se eu morasse em BH seria obesa, fato!

Eu levei para o Flávio um kit de Paulista com produtos "artesanais" - tudo o que um paulista come:

- Miojo
- Cup Nudlles
- Batatinha Huffles
- Nescafé

E mais algumas coisinhas que é só abrir a embalagem ou colocar no microondas rsss

No domingo fomos para a prova. E nos divertimos muito!!!

Muitos Quenianos, que por óbvio, ganharam a prova. Caldeira garantiu um lugar no pódio, para alegria do povo Mineiro

Não achei a prova nenhum pouquinho desorganizada e realmente é o que todo mundo fala: tem gente no percurso todo.

O namorado bateu seu record pessoal e me matou de orgulho... como faz com tudo, toda vez!

Minas Gerais me dá uma saudade imensa... pessoas boas, cidade ótima, comida melhor ainda!!!

Grande abraço aos meus amigos... principalmente ao Pe. Flávio que é sinônimo de hospitalidade, generosidade e gratuidade! Um minerim bem típico, sabe como?

2 comentários:

Jorge disse...

É minha amiga dessa vez o seu grêmio não foi campeão, mais meus parabéns pela prova da Pampulha, agora o que isso foi correr e não aguentou as guloseimas de Bh e voltou gorda a solução é correr muito para queimar as calorias extras hein...rsss....
Boa semana e valeu.
Bjs
JORGE CERQUEIRA
www.jmaratona.blogspot.com

Mayumi disse...

É, Mari, agora é fechar a boca e correr muito! Rsrsrs. By the way, eu corro de boca aberta e como de boca fechada! Kkkk.
Parabéns ao sr. Namorado! Ele está faturando todas, hein? Acho que está treinando lá naquela subidinha da General Camisão, não é?
Bjs! Até mais!